Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

Erechim: Juiz cassa registro e diploma de candidato a vereador

A Justiça Eleitoral publicou nesta segunda-feira, (dia 07/11) a sentença do Juiz Juliano Rossi, da 20ª Zona, em Erechim, cassando o registro da candidatura e do diploma de Mário Rossi, que foi candidato a vereador pelo PMDB na Coligação Para Erechim Continuar Avançando.
O Juiz reconheceu as provas apresentadas pela denunciante, a Coligação Erechim 100 Anos de Nossa História, com imagens de um almoço que o ex-secretário municipal do Meio Ambiente teria ofertado aos funcionários da Tucano Obras e Serviços Ltda.
A empresa é a responsável pela coleta do lixo em Erechim e sua contratação é ligada diretamente a secretaria que Mario Rossi comandava, antes de se licenciar para concorrer a uma vaga na Câmara de Vereadores. Além da cassação do registro e do diploma, por corrução eleitoral, Mário Rossi terá de pagar multa no valor de 20 mil UFIRs. A decisão cabe recurso.
O candidato do PMDB foi 5º mais votado para a Câmara de Vereadores, ele recebeu 1.269 votos.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados *

*

error: Conteúdo Protegido. Entre em Contato.