Nonoai: Caminhoneiros prestam última homenagem a companheiro de estrada

Um grupo de caminhoneiros do município de Nonoai prestou uma última homenagem ao colega de estrada Ademir Dalla Roza – 59 anos de idade, que morreu na tarde desta terça-feira, dia 02 de janeiro.

Os caminhoneiros estacionaram os ‘Brutos’ em frente ao Santuário Nossa Senhora da Luz e aguardaram a celebração religiosa, e em seguida seguiram o cortejo fúnebre até a ERS 406, estrada que por muitas vezes Dalla Roza percorreu de caminhão, mas que desta vez, o levou até o Crematório de Passo Fundo.

Emocionado, o amigo de estrada, Clóvis Guarez, disse que acompanhar o cortejo com o toque da buzina e acelerando forte o motor do bruto foi a maneira encontrada pelos amigos para prestar a última homenagem feita ao companheiro de estrada, que ora finda a sua trajetória. “Nos conhecemos há mais de 35 anos. Viajávamos muitas vezes juntos, principalmente na safra do feijão quando transportávamos o grão do Paraná para o Belém do Pará ou no Mato Grosso”, relatou Guarez.

De acordo com familiares, Dalla Roza residia atualmente no município Tangará da Serra – MT com a esposa e a filha, e neste final de ano estava se deslocando de caminhão para Nonoai, onde iria passar o réveillon com os familiares e amigos. No entanto, no último sábado, (Dia 30/12/2017), já em Chapecó – SC, Ademir passou mal enquanto dirigia o seu caminhão SCANIA. Ele chegou a ser socorrido até o hospital, mas acabou morrendo em virtude de um Aneurisma da Aorta Abdominal Roto.

Natural da comunidade Posse dos Linhares, interior do município de Rio dos Índios, Ademir iniciou sua trajetória profissional na década de 80. Ele percorria o Brasil e até mesmo o exterior transportando a riqueza do país. Mesmo longe da família e da dificuldade enfrentada na estrada Dalla Roza nunca falou em desistir.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados *

*

error: Conteúdo Protegido. Entre em Contato.